O ministro da Educação, Milton Ribeiro, recuou mais vez e autorizou aulas online enquanto durar a pandemia de Covid-19, conforme parecer do Conselho Nacional... Aulas remotas em escolas e universidades vão continuar enquanto durar a pandemia

O ministro da Educação, Milton Ribeiro, recuou mais vez e autorizou aulas online enquanto durar a pandemia de Covid-19, conforme parecer do Conselho Nacional de Educação (CNE).

Ele já tinha desistido da retomada das aulas presenciais nas universidades federais e instituições federais de ensino a partir do dia 4 de janeiro.

A regra vale para todos os níveis de ensino, particular e público, em caráter excepcional, quando as aulas estiverem suspensas pelas prefeituras e governos estaduais ou quando não houver condições sanitárias.

O CNE não descarta que as atividades remotas integrem o currículo de forma complementar ou definitiva de escolas e universidades por tempo indeterminado.

Com a homologação anunciada pelo MEC nesta quinta-feira (10), as redes de ensino poderão contar as aulas remotas como carga horária enquanto durar a pandemia

A data-limite anterior era o dia 31 de dezembro.

O CNE manteve a orientação para que as instituições de ensino sigam os protocolos sanitários quando retomarem as aulas presenciais.

Equipe TV Democracia

Nenhum comentário ainda. Comente!

Be first to leave comment below.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *