O primeiro-ministro da Austrália, Scott Morrison, denunciou hoje, em Canberra, que um “ator” estatal fez um sofisticado ataque cibernético contra organizações de uma ampla... Austrália sofre ataque cibernético e suspeita de ação da China

Primeiro-ministro da Austrália, Scott Morrison

O primeiro-ministro da Austrália, Scott Morrison, denunciou hoje, em Canberra, que um “ator” estatal fez um sofisticado ataque cibernético contra organizações de uma ampla gama de setores, em todos os níveis de governo – economia, partidos, serviços de saúde e outros operadores estratégicos de infraestrutura.

Norrison alertou os cidadãos sobre os “riscos específicos” a que estão expostos.

Segundo a mídia australiana, a China é a principal suspeita de ser o tal “ator” estatal. A crise entre os dois países foi agravada com a pandemia.

Canberra pediu uma investigação internacional independente sobre as origens do coronavírus e acusou a diplomacia chinesa de ser agressiva e desonesta.

A retaliação veio com a decretação de tarifas mais altas sobre importações de produtos australianos, o pedido e Pequim para que os chineses não viajarem ou estudarem na Austrália e a condenação de um ator australiano à morte por tráfico de drogas.

Equipe TV Democracia

Nenhum comentário ainda. Comente!

Be first to leave comment below.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *