O Brasil passou de 2 milhões e 300 mil casos de e se aproxima das 85 mil mortes causadas pelo coronavírus. De acordo os... Brasil passou de 2,3 milhões de casos e está perto de 85 mil mortes por coronavírus

O Brasil passou de 2 milhões e 300 mil casos de e se aproxima das 85 mil mortes causadas pelo coronavírus.

De acordo os números divulgados às 13h desta sexta-feira (24), a doença matou 84.440 pessoas e infectou outras 2.303.661 em todo o país.

Apesar de não ter investido nem metade dos recursos destinados ao combate à pandemia, o ministério da Saúde ainda não resolveu o problema de desabastecimento de medicamentos essenciais.

Em maio, os especialistas do próprio ministério haviam alertado o ministro interino, general Eduardo Pazuello, da necessidade de fornecimento para estados e municípios, de analgésicos e sedativos utilizados na intubação de pacientes graves com coronavírus, entre outros medicamentos. Só depois de um mês, começaram as remessas. Mesmo assim faltam remédios.

Na mesma reunião realizada no final de maio, o governo priorizou a distribuição de hidroxicloroquina produzida pelo Exército. O medicamento utilizado para o tratamento de doenças como a malária não serve para pacientes de Covid-19 internados em hospitais. A ciência vem provando a ineficácia da hidroxicloroquina, mas o governo, a partir do presidente Jair Bolsonaro, tem insistindo nela.

Além de não resolver problemas ligados ao tratamento do coronavírus, a hidroxicloroquina foi recusada por vários estados, que teriam que investir no fracionamento e no empacotamento das doses, que variam para cada pessoa, e há um estoque de mais de 4 milhões de comprimidos parados no ministério.

Equipe TV Democracia

Nenhum comentário ainda. Comente!

Be first to leave comment below.

O seu endereço de e-mail não será publicado.