O Brasil perdeu US 31,252 bilhões de investidores estrangeiros no primeiro semestre do ano. É a maior saída de recursos internacionais aplicados em fundos... Brasil perdeu US$ 31,252 bi de investidores estrangeiros no 1º semestre de 2020


O Brasil perdeu US 31,252 bilhões de investidores estrangeiros no primeiro semestre do ano.

É a maior saída de recursos internacionais aplicados em fundos de investimentos, títulos de renda fixa e ações desde o início da série histórica do Banco Central (BC) iniciada em 1995.

No primeiro semestre de 2019, o Brasil recebeu US$ 9,087 bilhões de investidores estrangeiros.

A retirada acontece em meio à pandemia do coronavírus, quando houve migração de recursos de países emergentes como o Brasil para títulos de países desenvolvidos, especialmente, os Estados Unidos.

Segundo o chefe do departamento de Estatísticas do BC, Fernando Rocha, a maior retirada aconteceu em março, com US$ 22,2 bilhões, 2/3 do semestre. “Essa saída de março, especificamente, está muito relacionada às incertezas daquele momento mais agudo da crise, ou à véspera daquele momento”.

O acumulado negativo de 12 meses foi de US$ 47,9 bilhões.

Em junho, houve um ingresso de US$ 2,38 bilhões em aplicações financeiras no país. Segundo Rocha, ainda não é momento de celebrar uma recuperação mais sólida: “A gente viu esse retorno em junho, mas não dá para afirmar ainda que é permanente. Em julho (até o dia 23), está meio zero a zero. Daí por diante, se as condições normalizarem, não só da economia brasileira, mas a mundial, a gente pode ver um cenário de recuperação ao menos gradual desses impactos”.

Equipe TV Democracia

Nenhum comentário ainda. Comente!

Be first to leave comment below.

O seu endereço de e-mail não será publicado.