O Brasil registrou 58.271 casos de coronavírus em 24h e elevou a média móvel para 46.243, 33% em relação ao número de notificações de... Brasil tem alta de 33% no número de casos de coronavírus: queda apenas no PA e AP

O Brasil registrou 58.271 casos de coronavírus em 24h e elevou a média móvel para 46.243, 33% em relação ao número de notificações de 14 dias atrás.

Segundo o levantamento do consórcio de veículos de mídia divulgado às 8h desta sexta-feira (31), já são 2.614.662 que contraíram o Covid-19 e 91.416 mortes (1.189 apenas nas últimas 24h).

Os números da pandemia avançaram em 16 estados e no Distrito Federal. Eles só estão em queda no Pará e no Amapá.

Nesta sexta-feira, mais duas instituições começam a testar a coronavac, a vacina desenvolvida pelo laboratório Sinovac Biotech, da China, e pelo Instituto Butantan. A Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) faz os testes em voluntários do estado, e a Universidade Municipal de São Caetano do Sul realiza os exames em voluntários do ABC (SP).

Ontem (30), as pesquisas foram estendidas aos Hospitais Emílio Ribas, da capital paulista, e das Clínicas de Ribeirão Preto (SP).

A terceira fase de testes da coronavac vai contar com 9.000 voluntários brasileiros, todos da linha de frente do combate ao coronavírus. Além de Minas Gerais e São Paulo, as pesquisas também serão feitas no Rio Grande do Sul, Paraná, Rio de Janeiro e no Distrito Federal.

No Rio de Janeiro, uma briga entre um médico e um paciente foi parar na delegacia nesta quinta-feira (30). O paciente, que se teve coronavírus há mais de dois meses, disse que houve um desentendimento durante a consulta e o médico Enio Studart sacou uma arma de uma mochila.

Assustado, ele prestou queixa numa delegacia da Barra da Tijuca, na zona oeste da cidade. Para surpresa dele, Studart já estava lá dando a versão dele da situação.

Os policiais confrontaram as versões e estranharam o relato do médico. Eles abriram o carro dele e encontraram um revólver, uma pistola, soco inglês, duas facas, um carregador de pistola e munições de vários calibres.

Studart foi preso em flagrante por ameaça e porte ilegal de armas e munições.

Equipe TV Democracia

Nenhum comentário ainda. Comente!

Be first to leave comment below.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *