Partículas do coronavírus suspensas no ar podem infectar pessoas e o risco é maior em ambientes fechados. O alerta foi dado por 239 cientistas... Cientistas alertam OMS sobre o contágio do coronavírus pelo ar

Partículas do coronavírus suspensas no ar podem infectar pessoas e o risco é maior em ambientes fechados. O alerta foi dado por 239 cientistas em carta aberta para a Organização Mundial da Saúde (OMS).

Hoje, a OMS diz que o coronavírus se espalha principalmente por gotículas respiratórias maiores. Mas, o grupo de cientistas dizem que, “a transmissão aérea parece ser a única explicação plausível para o contágio em ambientes fechados e outros, onde as recomendações relacionadas à transmissão direta de gotículas foram seguidas”.

O grupo recomenda ventilação com ar limpo e filtrado em ambientes fechados, particularmente em edifícios públicos, escritórios, escolas, hospitais e casas de repouso de idosos. A superlotação dos locais, principalmente, nos transportes e escritórios públicos deve ser evitada. Se não possível uma ventilação mecânica, janelas e portas devem ficar abertas para garantir o fluxo de ar pelo ambiente.

A OMS, que mantém a posição de que o coronavírus se espalha principalmente por gotículas respiratórias maiores, como em tosses e espirros, disse que já estuda a carta publicada neste domingo (5), pelo jornal The New York Times.

Equipe TV Democracia

Nenhum comentário ainda. Comente!

Be first to leave comment below.

O seu endereço de e-mail não será publicado.