Escândalo no Vaticano. O cardeal italiano Giovanni Angelo Becciu, de 72 anos, renunciou ao cargo de prefeito da Congregação para as Causas dos Santos... Escândalo no Vaticano: envolvido em negócio suspeito de corrupção, cardeal italiano renuncia

Escândalo no Vaticano.

O cardeal italiano Giovanni Angelo Becciu, de 72 anos, renunciou ao cargo de prefeito da Congregação para as Causas dos Santos e não poderá participar de um eventual conclave para escolha de um futuro Papa.

Um dos religiosos mais influentes da Santa Sé, ele foi secretário de Estado por sete anos quando o Papa era Bento XVI, e foi mantido no Vaticano pelo atual Papa Francisco, que o ordenou cardeal em 2018.

Becciu era o prefeito da Congregação que decide sobre beatificações e canonizações. Ela é mantida em parte por doações de fiéis do mundo todo.

Porém, há um ano, ele foi alvo de uma investigação interna sobre a compra de um imóvel de alto padrão, em Londres, em 2014, quando controlava as finanças do Vaticano.

Há suspeitas de crimes como suborno, lavagem de dinheiro e desvio de dinheiro para parentes do cardeal que vivem na italiana Sardenha.

Becciu negou as acusações, mas, foi pressionado pelo Papa Francisco, que sempre defendeu a transparências nas contas da Igreja, a renunciar nesta quinta-feira (24).

Equipe TV Democracia

Nenhum comentário ainda. Comente!

Be first to leave comment below.

O seu endereço de e-mail não será publicado.