Um dia depois de Luís Arce assumir a presidência da Bolívia, o ex-presidente Evo Morales está de volta ao país. Morales estava vivendo na... Evo Morales está de volta à Bolívia depois de renunciar à presidência há 1 ano

Um dia depois de Luís Arce assumir a presidência da Bolívia, o ex-presidente Evo Morales está de volta ao país.

Morales estava vivendo na Argentina desde dezembro passado.

Há quase um ano, no dia 10 de novembro de 2019, renunciou à presidência depois de uma tumultuada eleição contestada pela oposição e pela Organização dos Estados Americanos (OEA), que denunciaram fraudes.

Houve protestos violentos e os militares pressionaram Morales para deixar o poder e sair do país. O primeiro destino foi o México.

Ontem (8), ele jantou com o presidente da Argentina, Alberto Fernández, antes de seguir viagem para a Bolívia.

O ex-presidente foi recebido por uma multidão na cidade de Villazón, na fronteira com a Argentina.

Agora, Evo vai liderar uma caravana com 800 carros por mais de mil quilômetros até Cochabamba, onde começou a carreira política como líder dos plantadores de coca.

O novo presidente foi ministro de Morales, em cuja gestão aconteceu o “milagre boliviano”.

Um dos mais pobres países da América Latina teve um alto crescimento econômico e a pobreza reduziu de 60% para 37,2%.

Mesmo assim, quase metade dos 11,5 milhões de bolivianos vive na pobreza ou na pobreza extrema.

A situação foi agravada com a pandemia do coronavírus e com a instabilidade política.

Equipe TV Democracia

Nenhum comentário ainda. Comente!

Be first to leave comment below.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *