Adriano Magalhães da Nóbrega, o Capitão Adriano, que foi chefe da milícia Escritório do Crime, transferiu mais de R$ 400 mil para as... Miliciano transferiu mais de R$ 400 mil para Fabrício Queiroz

Fabrício Queiroz e o senador Flávio Bolsonaro

 

Adriano Magalhães da Nóbrega, o Capitão Adriano, que foi chefe da milícia Escritório do Crime, transferiu mais de R$ 400 mil para as contas bancárias do ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), Fabrício Queiroz.

Parte do dinheiro teve origem nos restaurantes administrados pelo miliciano e familiares. Parentes de Adriano foram funcionários de Bolsonaro quando ele era deputado estadual. A estimativa é do Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ).

Adriano foi morto por policiais baianos, em fevereiro.

Equipe TV Democracia

Nenhum comentário ainda. Comente!

Be first to leave comment below.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *