O mundo passou a trágica marca de 1 milhão de mortes causadas pela pandemia da Covid-19. Mais de 200 mil só nos Estados Unidos.... Mundo passou de 1 milhão de mortes por Covid-19: mais da metade só em 5 países incluindo o Brasil

Nova York (foto Diana Suckeveris)

O mundo passou a trágica marca de 1 milhão de mortes causadas pela pandemia da Covid-19. Mais de 200 mil só nos Estados Unidos.

Segundo o levantamento da Universidade Johns Hopkins (EUA) divulgado às 10h30 desta terça-feira (29), 1.002.676 perderam a luta contra a doença e outras 33.401.514 pessoas foram infectadas pelo coronavírus.

562.291 óbitos (mais da metade) foram registradas em cinco países: EUA (205.091), Brasil (142.189), Índia (96.318), México (76.603) e Reino Unido (42.090).

Grande parte do número de casos aconteceu em cinco países: EUA (7.150.165), Índia (6.145.291), Brasil (4.748.882), Rússia (1.162.428) e Colômbia (818.203).

Com atrasos de meses, o governo Trump anunciou que vai fazer 150 milhões de testes rápidos para a detecção de Covid-19.

Cada um vai custar US$ 5.

O presidente americano disse nesta segunda-feira (28), que 50 milhões de testes serão distribuídos a grupos de risco, como asilos de idosos.

Especialistas alertaram que, este tipo de exame tem mais chances de apresentar resultado falso positivo.

O governador Andrew Cuomo se mostrou preocupado com o aumento da taxa de contágio na cidade de Nova York, que já foi epicentro mundial da pandemia.

Embora a taxa média de infecção na cidade seja de 1%, ela aumentou de 5% a 6% nos últimos dias em bairros onde se concentram a população de judeus ortodoxos.

A comunidade, que comemorou até ontem (28), as duas das principais datas do Judaísmo, o Rosh Hashaná (Ano Novo) e o Yom Kippur (Dia do Perdão), é avessa ao uso de máscara e outras medidas de quarentena, além de ter as menores taxas de imunização de vacinas como a de sarampo e outras doenças infantis.

Equipe TV Democracia

Nenhum comentário ainda. Comente!

Be first to leave comment below.

O seu endereço de e-mail não será publicado.