Um dos mais famosos estilistas do mundo, o francês Pierre Cardin morreu aos 98 anos nesta terça-feira (29). A causa da morte não foi... Pierre Cardin morre aos 98 anos na França

Um dos mais famosos estilistas do mundo, o francês Pierre Cardin morreu aos 98 anos nesta terça-feira (29).

A causa da morte não foi divulgada.

Pietro Cardin nasceu no dia 2 de julho de 1922, em Veneza, na Itália. Era filho de agricultores que migraram para a França para fugir do fascismo.

Cardin, que se naturalizou francês, começou a trabalhar com moda aos 14 anos, como alfaiate, em Saint-Etienne.

Oito anos depois, iniciou a carreira na alta costura como funcionário da estilista Jeanne Paquin, em Paris.

Em 1946, fez os figurinos do filme A Bela e a Fera, de Jean Cocteau.

A relação com as artes não parou por aí. Além de vestir várias estrelas do cinema e ser patrocinador de museus e exposições, Cardin foi companheiro da atriz Jeanne Moreau por quatro anos.

No ano seguinte, se transferiu para a Casa Christian Dior, onde ajudou a criar o clássico tailleur Bar.

Cardin abriu o próprio ateliê em 1950 e se destacou pelo estilo revolucionário tanto nas formas (esculturais e abstratas) como nos tecidos (vinil e peles falsas).

Em 1960, foi o primeiro estilista da alta costura a lançar uma coleção masculina.

Em 1962, começou a popularizar a moda com o prêt-à-porter, versões acessíveis ao público em geral, vendidas em loja de departamentos.

Na época, recebeu críticas, mas nos anos seguintes, a prática foi imitada por outros estilistas.

Cardin foi também o primeiro a escalar uma modelo japonesa nos seus desfiles.

Um dos homens mais ricos da França, ele investiu em hotelaria, perfumaria e restaurantes, além da moda, é claro.

Equipe TV Democracia

Nenhum comentário ainda. Comente!

Be first to leave comment below.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *