Um grupo de 81 pessoas – 41 jornalistas e “outros formadores de opinião”- está no “Mapa de influenciadores” criado por uma empresa de comunicação... Relação do governo Bolsonaro com a imprensa conta com o “Mapa de influenciadores”

Um grupo de 81 pessoas – 41 jornalistas e “outros formadores de opinião”- está no “Mapa de influenciadores” criado por uma empresa de comunicação contratada pelo governo Bolsonaro.

Segundo as colunas dos jornalistas Mônica Bergamo e Rubens Valente publicadas no portal UOL nesta terça-feira (1º), a empresa orienta como o governo deveria lidar com “detratores”, “neutros informativos” e “favoráveis”, como foi dividido o grupo.

Entre os 51 “detratores”, estão os jornalistas Guga Chacra, Vera Magalhães, Cynara Menezes, Luís Nassif, Rachel Shererazade e Carol Pires; e os professores universitários Conrado Mendes, Laura Carvalho e Silvio Almeida.

 

Mônica Bergamo está na categoria “neutros informativos” com Malu Gaspar, Alex Silva, Altair Alves, Cristiana Lôbo, Marcelo Lins, Octavio Guedes e Ricardo Barboza.

Há 23 nomes entre os “favoráveis”. Entre eles, Milton Neves, Rodrigo Constantino, Guilherme Fiuza, o empresário Winston Ling e a youtuber Camila Abdo.

Há repetição de um nome e por isso, o número total é de 81.

A BR+ Comunicação, que fez a lista, recomendou o envio de reportagens e projetos do ministério da Economia no relacionamento com os “detratores”.

Para os “favoráveis”, vale o mesmo mais a orientação de que sejam feitas parceiras para divulgar as ações da área econômica.

É normal que autoridades e órgãos recebam relatórios sobre o que é publicado sobre eles na mídia.

O que é fora do padrão é um “briefing” sobre os profissionais da imprensa.

A BR+ Comunicação firmou um contrato de R$ 2,7 milhões em junho com os ministérios de Ciência e Tecnologia (MCTIC) e da Economia (ME).

Entre outros serviços, ela fez o “Mapa de influenciadores”, no qual analisa publicações de maio de 2020 sobre o ME e seu titular, o ministro Paulo Guedes.

A planilha não especifica se os “detratores” criticam o governo Bolsonaro, o ME e/ou Guedes.

Cada nome do documento é acompanhado de um comentário sobre o que foi publicado nas redes sociais a respeito do governo e, especialmente, do ministro.

Em oito nomes, constam ainda o número do telefone celular.

Questionado por Mônica Bergamo, Paulo Guedes disse que não tem “a menor ideia” de quem fez o relatório e que vai demitir quem encomendou o trabalho.

“Sou um cara transparente, aberto. Nunca encomendaria algo para saber quem fala mal ou quem fala bem de mim. Vivo tomando porrada e nem para reclamar”, diz ele, em tom humorado.

“Quando vejo uma informação que acho equivocada, ligo direto para os jornalistas e converso”, afirmou Guedes.

Ele admitiu que há falhas de comunicação na área econômica, “tem problemas. Nos comunicamos muito mal. Estamos fazendo coisas muito bacanas que não conseguimos comunicar. Isso é um problema. E há também narrativas politizadas. Mas eu jamais encomendaria uma lista como essa”.

A coluna de Rubens Valente procurou o MCTIC, o ME e a BR+ Comunicação na semana passada para comentar a reportagem.

O ministério da Economia informou que os “produtos de comunicação” são definidos no contrato pela Secretaria de Comunicação da Presidência (Secom), “assim como é definido para todos os órgãos da administração direta”.

A nota segue: “Esclarecemos, portanto, que os órgãos não têm coordenação sobre essa entrega (Mapa de Influenciadores) mas, assim como monitoramentos de redes sociais e clipping de imprensa, ela é importante para o envio de releases, convocações para coletivas de imprensa, participações em eventos, fotos e vídeos. Os contatos são feitos por e-mail. Não se faz uso de informações pessoais. O produto também não traz informações de profissionais de governos, apenas jornalistas e influenciadores de redes sociais e/ou formadores de opinião – definidos com base no número de seguidores”.

Até às 12h40 desta terça-feira (1º), a BR+ não havia se manifestado sobre a reportagem do UOL.

Equipe TV Democracia

Nenhum comentário ainda. Comente!

Be first to leave comment below.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Notice: Trying to access array offset on value of type null in /home/wp_vihbaf/democracia.tv/wp-content/themes/goliath/theme/theme-functions.php on line 1103

Notice: Trying to access array offset on value of type null in /home/wp_vihbaf/democracia.tv/wp-content/themes/goliath/theme/theme-functions.php on line 1103