Uma auditoria feita pela Controladoria Geral do estado do Rio de Janeiro encontrou 45 irregularidades na secretaria da Saúde. O prejuízo aos cofres públicos... Relatório aponta prejuízos de mais de R$ 1 bi na Saúde do RJ

Governador do RJ, Wilson WitzelUma auditoria feita pela Controladoria Geral do estado do Rio de Janeiro encontrou 45 irregularidades na secretaria da Saúde. O prejuízo aos cofres públicos pode chegar a R$ 1,016 bilhão. Outra conclusão importante foi a diminuição dos serviços prestados à população.

Apesar do documento ter sido elaborado entre 17 de fevereiro e 7 de agosto de 2019, portanto bem antes da pandemia, só foi divulgado nesta quarta-feira (24). A auditoria foi feita a pedido do então secretário da saúde, Edmar Santos. Hoje, o governo Wilson Witzel (PSC-RJ) já está no terceiro secretário da pasta.

O principal alvo de investigação foi a gestão de equipamentos de saúde pelas chamadas Organizações Sociais (OSs) entre 2012 e 2019.

Entre as 45 irregularidades, se destacam a redução do volume de serviço público de saúde ofertado à população com aumento dos valores de custeio para a manutenção das unidades; subcontratação de serviços de saúde, benfeitorias em imóveis com recursos públicos; atrasos nas contratações e aquisições de bens sem cotação prévia de preços no mercado e o não-encaminhamento de prestações de contas anuais aos órgãos de controles externo e social.

Em nota, a secretaria da Saúde afirmou que tem tomado diversas ações com o objetivo de adequar procedimentos administrativos e financeiros de acordo com as orientações dos órgãos de controle.

Equipe TV Democracia

Nenhum comentário ainda. Comente!

Be first to leave comment below.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *