Itamaraty não comenta afastamento de brasileiro da secretaria-executiva da Comissão de Direitos Humanos da OEA
O Itamaraty ainda não comentou oficialmente o afastamento de Paulo Abrão da secretaria-executiva da Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH). A barração foi anunciada nesta terça-feira (25) pelo Secretário-Geral da Organização dos Estados Americanos (OEA), o uruguaio Luis Almagro. O ex-chanceler do Uruguai na gestão Mujica justificou a medida... Leia mais