As fronteiras da União Europeia (UE) reabrem amanhã, dia 1º de julho, para turistas de várias partes do planeta. Moradores do Brasil, Estados Unidos,... UE reabre fronteiras, mas proibe a entrada de turistas brasileiros

As fronteiras da União Europeia (UE) reabrem amanhã, dia 1º de julho, para turistas de várias partes do planeta. Moradores do Brasil, Estados Unidos, Rússia e a China, que se não cumprir a reciprocidade de liberar a entrada de europeus, estão entre os turistas proibidos de entrar na UE.

A lista de 15 países com entrada liberada no bloco europeu segue critérios de saúde e será revisada a cada duas semanas. O Uruguai é o único país latino-americano, cujos moradores podem viajar pelos 27 países da União Europeia.

Além dos uruguaios, estão com passe livre no bloco turistas vindos da Austrália, Nova Zelândia, Canadá, Argélia, Japão, Montenegro, Ruanda, Sérvia, Marrocos, Geórgia, Tunísia, Coreia do Sul, Tailândia e China desde que Pequim libere a entrada de moradores da União Europeia.

As exceções são cidadãos europeus e familiares; residentes antigos na UE e famíliares e turistas que tem necessidade essencial ou que precisam cumprir uma atividade essencial.

A decisão de abertura de fronteiras, que entra amanhã em vigor, não conta com a aprovação unânime dos paises-membros.

A Grécia, por exemplo, exige testes de coronavírus para quem vem da França, Espanha,Itália e Holanda. Os turistas ficam em quarentena até que saiam os resultados dos exames.

Por sua vez, a República Checa barra turistas de Portugal e Suécia, países onde a doença não está sob controle.

Residentes do Reino Unido podem entrar em vários países da UE, mas somente se for para exercerem atividades essenciais

Equipe TV Democracia

Nenhum comentário ainda. Comente!

Be first to leave comment below.

O seu endereço de e-mail não será publicado.