O vice-prefeito de Arujá, na Grande São Paulo, está preso na capital paulista. Márcio José de Oliveira (Republicanos-SP) e mais cinco pessoas foram presas... Vice-prefeito de Arujá envolvido em desvio de dinheiro público está presos em SP

O vice-prefeito de Arujá, na Grande São Paulo, está preso na capital paulista.

Márcio José de Oliveira (Republicanos-SP) e mais cinco pessoas foram presas numa operação da Polícia Civil realizada na manhã desta quinta-feira (30).

Márcio foi preso num condomínio de alto padrão, em Arujá, onde o traficante de drogas, Anderson Lacerda Pereira, é dono de 20 casas.

Segundo a Polícia Civil da cidade vizinha de Guarulhos, Anderson criou uma organização social (OS) que mantinha clínicas de saúde nos dois municípios. Elas eram utilizadas no socorro de criminosos.

A OS foi contratada pela prefeitura de Arujá e o vice-prefeito e pelo menos outras cinco pessoas estariam envolvidas no desvio de dinheiro da secretaria municipal de Saúde.

A Justiça autorizou a Polícia Civil a cumprir 12 mandados de prisão temporária e 20 de busca e apreensão na capital e em mais sete cidades paulistas (Guarulhos, Poá, Guarulhos, Suzano, Mogi das Cruzes, Bertioga, Itu e Arujá).

Entre os seis presos estão um membro da quadrilha de Anderson e a gerente de um hospital de Arujá.

Anderson, que também é acusado de tráfico internacional de drogas, está foragido. Ele é procurado desde a primeira etapa da investigação, no dia 3 de junho.

“Eles (integrantes da quadrilha) desviavam dinheiro do hospital, faziam contratos superfaturados e uma parte do contrato voltava às mãos do criminoso (Anderson)”, disse o delegado responsável pelas investigações, Fernando Góes Santiago.

A defesa do vice-prefeito e a assessoria do partido Republicanos não comentaram a operação policial.

Equipe TV Democracia

Nenhum comentário ainda. Comente!

Be first to leave comment below.

O seu endereço de e-mail não será publicado.